300 litros de bebidas artesanal também foram apreendidos.

10/11/17 09:02 Foto: Divulgação Seciju

Vistoria em presídios apreende 30 celulares e 181 armas artesanais

 

Uma vistoria foi feita em 41 unidades prisionais do Tocantins nesta quinta-feira, 9. Segundo da Secretaria de Cidadania e Justiça, responsável pelo sistema prisional, foram encontrados durante a ação 30 celulares, 181 armas artesanais e 86 porções de maconha, além de 300 litros de bebidas artesanal. Mais de 630 agentes participaram da operação, que começou durante a manhã e continua nesta sexta-feira, 10, na Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota, em Araguaína, norte do Tocantins.


As vistorias foram realizadas após presos fugiram de duas unidades no mesmo dia. Na Casa de Prisão Provisória de Palmas, 22 homens escaparam por um túnel e fizeram um buraco no muro do local com dinamite. Ao todo, 14 foram capturados e oito continuam foragidos.


Durante a vistoria também foram encontradas balanças e cordas artesanais, pendrives, fones de ouvido, chip e carregadores de celular, entre outros objetos. "As vistorias simultâneas não visam somente encontrar objetos ilícitos, mas também reforçar os protocolos de segurança nas unidades prisionais", comentou o secretário de Cidadania e Justiça, coronel Glauber de Oliveira Santos.

 

Superlotação


Além das últimas fugas registradas, o sistema prisional do Tocantins está superlotado. O estado tem 44 unidades prisionais e vaga para 1.948 presos, mas atualmente são 3.551 presos. Na CPP de Palmas, a Justiça quer que o Governo do estado reduza de 700 detentos para 520 o número de presos. O presídio chegou a sofrer uma intervenção parcial devido a superlotação.

 

(Como informações do G1 Tocantins)

Compartilhe

RELACIONADAS

Secretário acredita que 13º salário será pago em dia

Geferson Barros se mostrou confiante de que o Governo irá pagar o benefício ainda no mês de dezembro

Fim da tenda do HGP é anunciado

Nova ala do hospital irá acomodar os pacientes que estão nas tendas.

TRE-TO alerta pré-candidatos e coligações sobre o prazo para o registro de candidatura

O Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) alerta para pré-candidatos, partidos e coligaçõe

Deixe seu comentário