Secretário Estadual da Saúde visita novo centro oncológico em Araguaína

No período da tarde fez uma visita técnica na Radioterapia e nas obras do antigo Hospital São José que se tornará um importante Centro Integrado de atendimento oncológicos para a região

Durante a programação da 5ª edição da consulta pública para elaboração do Plano Plurianual (PPA) 2020/2023, em Araguaína, realizada nesta terça-feira, 18, o secretário de Estado da Saúde, Dr. Edgar Tollini realizou uma intensa agenda com o intuito de buscar soluções e verificar in loco as ações e projetos da Saúde em desenvolvimento na cidade.  Pela manhã esteve reunido com a equipe da Secretaria Municipal de Saúde de Araguaína (Semus), Hospital Regional de Araguaína (HRA), Hospital Municipal Dona Dorcelina, Hospital Doenças Tropicais (HDT) e as superintendências da SES/TO ligadas à área de Atenção, Planejamento e Rede Hospitalar. 

No período da tarde fez uma visita técnica na Radioterapia e nas obras do antigo Hospital São José que se tornará um importante Centro Integrado de atendimento oncológicos para a região.

Edgar abriu a reunião ressaltando a importância das unidades hospitalares existentes na cidade de Araguaína para toda região macro norte, por ser referência em serviços de alta complexidade a diversos municípios e que por isso é uma área prioritária da gestão. “Estamos aqui para ouvir as demandas, discutir ações importantes e buscar soluções conjuntas para sanar problemas do setor, para isso podemos buscar a apoio junto ao Ministério da Saúde e outros órgãos”, ressaltou.

O secretário municipal de Saúde de Araguaína, Jean Luis Coutinho Santos declarou que a saúde é responsabilidade de todos, e Araguaína é parceria, trabalhando em conjunto com as Unidades Hospitalares Estaduais e a Federal, com contato direto com todos os órgãos envolvidos para um bem maior que a vida dos nossos usuários. “As unidades municipais de saúde estão abertas para parcerias, o Hospital municipal já conta com uma UTI pediátrica em amplo funcionamento e agora vamos organizar a realização das cirurgias pediátricas, vamos manter o diálogo aberto e fortalecer a atenção básica”, disse.

Contratualização

Na reunião com as unidades hospitalares também foi informado sobre a contratualização realizada com o Hospital de Doenças Tropicais da Universidade Federal do Tocantins (HDT-UFT), instituição filiada a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), que passa a integrar oficialmente à Rede de Atenção à Saúde (RAS) do Estado, por meio de ações e serviços de saúde, gestão, ensino e pesquisa, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). A contratualização estabelece metas quantitativas e qualitativas de atenção à saúde e de gestão hospitalar, que serão acompanhadas e avaliadas por uma comissão formada por representantes do hospital, da Secretaria de saúde municipal e da estadual.

José Pereira Guimarães Neto, superintendente do HDT-UFT disse que a unidade está aberta para atender a população sendo parte integrante da rede de atenção, “uma grande conquista do ponto de vista institucional, fazendo parte da RAS garante um fluxo de pacientes, a realização de cirurgias eletivas, a consolidação do hospital escola, com retorno financeiro para manutenção das atividades com grandes expectativas para ampliação dos leitos e das especialidades”, declarou.

Centro Intergrado

No período da tarde, o Secretário realizou uma vistoria as obras do antigo prédio do Hospital São José, prédio que será utilizado para a construção do Centro Integrado de Oncologia, que abrigará toda a estrutura necessária para os atendimentos oncológicos da região macro norte do Estado. Investimento de R$ 3.642.804,61 que contará com ambulatórios, enfermaria, consultórios odontológicos, setor administrativo, auditório, hospital dia, sala de pequenos procedimentos, sala de ultrassom, unificação do prontuário da oncologia no centro integrado que contará também com serviços de quimioterapia, radioterapia e braquiterapia, dentre outros setores necessários ao serviço de oncologia.

Radioterapia

Também foi vistoriado o espaço da radioterapia que está na fase final de implantação e retorno das atividades. Edgar ficou muito satisfeito com o andamento das atividades e ações para o retorno do serviço na cidade. “Há mais de um ano acompanho este trabalho para o retorno dos serviços de radioterapia em Araguaína, vi o início e agora estamos finalizando as exigências necessárias, por se tratar de um serviço de alta complexidade, vamos nos cercar de todos os cuidados para ofertar um melhor atendimento à população tocantinense. Já solucionamos diversas pendências, máquina instalada e funcionando, equipe contratada e treinada, algumas faltas pontuais serão resolvidas nos próximos dias e retornaremos aqui em breve para a abertura oficial”, celebrou.

20 anos

O serviço de oncologia na região norte do Estado está comemorando 20 anos de existência este ano, contemplando mais de 16 mil atendimentos o que beneficia pacientes dos estados do Pará, Maranhão, Tocantins e Mato Grosso. A intenção da gestão e comemorar os 20 anos com o retorno dos atendimentos da radioterapia e a entrega do Centro Integrado de Oncologia um local ideal para o tratamento oncológico na região.    

FAÇA SEU COMENTÁRIO