Coordenadores das áreas técnicas discutem 'Projeto de Aperfeiçoamento em Atenção Primária à Saúde

O embasamento do projeto irá fortalecer os conhecimentos teóricos e práticos dos profissionais do SUS

O ‘Projeto de Aperfeiçoamento em Atenção Primária à Saúde’ foi apresentado pela Fundação Escola de Saúde Pública (Fesp) aos coordenadores das áreas técnicas da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), na manhã desta sexta-feira, 17, no auditório da Semus. Os técnicos debateram sobre o início das etapas do projeto no mês de março deste ano, em que serão fornecidas capacitações in loco nos 34 Centros de Saúde da Comunidade (CSCs).

O projeto tem por objetivo atender a Política Nacional de Educação Permanente em Saúde a qual tem como referência o aprendizado no âmbito do trabalho. O embasamento do projeto irá fortalecer os conhecimentos teóricos e práticos dos profissionais incluídos no Sistema Único de Saúde, possibilitando melhor atendimento aos pacientes da rede pública de saúde.

A presidente da Fundação Escola de Saúde Pública (Fesp), Jaciela Leopoldino, esclarece que o objetivo do encontro é compartilhar o plano de educação permanente em saúde com a proposta de resgatar a educação contínua nos Centros de Saúde da  Comunidade. “A proposta é trabalhar tanto cuidado individual quanto cuidado coletivo a partir do momento em que os próprios trabalhadores das unidades tenham oportunidades de identificar os problemas e necessidades de saúde e a partir do apoio do plano de educação permanente em atenção primária construir as estratégias e propostas de intervenção para qualificar o processo de trabalho e transformar a realidade daquele local”, conclui Jaciela.

FAÇA SEU COMENTÁRIO