Dois homens são presos com 15kg de maconha em Araguaína

Mais de 15kg de drogas são apreendidos pela Polícia Civil em Araguaína.

Policiais Civis da Delegacia Estadual de Investigações Criminais de Araguaína (Deic norte), com apoio da Polícia Civil da Denarc de Goiás, deflagraram, nesta quarta-feira, 31, uma operação de combate à criminalidade que resultou na apreensão de aproximadamente 15kg de maconha e na prisão de Weberson Azevedo Pereira, 28 anos e Paulo Roberto Sousa da Silva, 29 anos.

Ambos os indivíduos foram autuados em flagrante delito pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico e foram capturados, por volta do meio-dia, no bairro São João, em Araguaína. Conforme o delegado José Anchieta de Menezes Filho, que coordenou a operação policial, a apreensão é resultante de investigações realizadas pela Deic norte, onde Weberson Azevedo e Paulo Roberto estariam em associação comercializando drogas nesta cidade.

Segundo o delegado, os policiais da Deic conseguiram identificar que os suspeitos já haviam recebido mais de 10kg de drogas na semana passada e que parte dessa droga já havia sido apreendida, todavia ninguém teria sido preso.

O trabalho investigativo identificou que Weberson Azevedo havia fornecido a droga apreendida para os ocupantes de um veículo e estava programando para, na data de hoje (31/05), receber outra quantia de drogas, oriundas da cidade de Goiânia (GO).

Ainda em diligências, os policiais civis montaram equipes e passaram a monitorar os suspeitos, conseguindo prender os dois no momento em que recebiam aproximadamente 5kg de drogas. Após as prisões, os agentes deslocaram-se até as residências dos mesmos, onde encontraram mais de 10kg de maconha escondida na residência de Paulo Roberto e, aproximadamente, 24g de cocaína na casa de Weberson Azevedo.

De acordo com o delegado, os suspeitos presos atuavam seguindo um padrão pré-estabelecido.  “Os investigados agiam de forma organizada, acondicionando as drogas no interior de aparelhos micro-ondas, embaladas em caixa de papelão, visando dissimular a fiscalização policial”, ressaltou o delegado.

Paulo Roberto, que já tem passagens pela polícia por roubo e Weberson foram conduzidos à sede da Deic e, após autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico, foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Araguaína – CPPA, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. .

FAÇA SEU COMENTÁRIO