TSE publica acórdão com cassação de Marcelo, posse de Carlesse e eleições diretas

Mauro Carlesse será governador interino até o início de junho

O Diário da Justiça publicou em uma edição extraordinária, na noite desta segunda-feira, 26, o acórdão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com a cassação do Governador Marcelo Miranda (MDB) e de sua vice Cláudia Lélis (PV), com a condenação da chapa por caixa 2 de campanha.

O acórdão determina a posse imediata e de forma interina do presidente da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Mauro Carlesse, até a realização de novas eleições diretas no início de junho.

"Como efeito da sanção de cassação dos diplomas dos Recorridos, determino a realização de novas eleições diretas para o governo do Estado do Tocantins, na forma do art. 224, §§ 3º e 4º, do Código Eleitoral e dos precedentes desta Corte Superior (RO n° 2246-61/AM, Rel. designado Min. Luís Roberto Barroso, DJe de 1°.6.2017 e ED-REspe 139-25/RS, Rel. Min. Henrique Neves, PSESS de 28.11.2016).", afirma trecho da decisão do TSE.

Posse

Procurado por nossa reportagem, um integrante da equipe do presidente da Assembleia Mauro Carlesse, disse que a posse deve ocorrer já nesta terça-feira, na Assembleia Legislativa. 

FAÇA SEU COMENTÁRIO